Fifa define critérios do sorteio da Copa e já enxergamos grupo da morte

Mega-Sena deve pagar R$ 10 milhões neste sábado
Criminosos assaltam agência bancária e fazem reféns em Abreu e Lima

Fifa define critérios do sorteio da Copa e já enxergamos grupo da morte

Nesta quinta-feira, a Fifa definiu os seus critérios para o sorteio da Copa do Mundo de 2018, na
Rússia. Segundo a entidade, o ranking de seleções de outubro será usado para definir os cabeças
de chave. No pote 1, ficará o país-sede mais os sete primeiros da lista, que hoje são Alemanha,
Brasil, Portugal, Argentina, Bélgica, Polônia e Suíça. Desses, somente Brasil e Bélgica já
garantiram classificação para o Mundial. No entanto, existe a chance que todos eles estejam na
competição.

Assim, seleções como Inglaterra, Espanha, França, Holanda, Itália e Uruguai iriam para outros
potes, isso se conseguirem a classificação para a Copa do Mundo. Desses, só a França tem boas
chances de ir para o pote 1, atualmente está em oitavo.
Ainda segundo os critérios da Fifa, duas seleções do mesmo continente não podem ficar juntas no
mesmo grupo, com exceção das europeias.
Já imaginou um grupo com Brasil e Espanha, por exemplo? Lembrando que há ainda outras
seleções como México e as equipes africanas que normalmente dão trabalho. Em 2010, por
exemplo, o nossa seleção caiu no grupo que tinha Portugal, Costa do Marfim e a Coreia do Norte.
O time de Dunga acabou se classificando em primeiro após duas vitórias e um empate.
O sorteio da Copa do Mundo da Rússia será no dia 1º de dezembro, em Moscou.