Brasil registra mais de 26 mil assassinatos no 1º semestre de 2018

Radialista Edvaldo Morais morre aos 69 anos
Adolescente grávida é agredida por companheiro com barrote no Recife

Brasil registra mais de 26 mil assassinatos no 1º semestre de 2018

Ao menos 26.126 pessoas foram assassinadas no primeiro semestre deste ano no Brasil. É o que mostra o índice nacional de homicídios criado pelo G1, uma ferramenta que permite o acompanhamento dos dados de vítimas de crimes violentos mês a mês no país. O número de vítimas é ainda maior que esse – isso porque a estatística não comporta os dados totais de três estados (Maranhão, Paraná e Tocantins), que não divulgaram todos os números.
O número consolidado até agora contabiliza todos os homicídios dolosos, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte, que, juntos, compõem os chamados crimes violentos letais e intencionais. Houve uma média de 4.350 casos por mês.
O levantamento revela que:
– Ao menos 26,1 mil pessoas foram assassinadas no Brasil no 1º semestre;
– A taxa de mortes violentas a cada 100 mil habitantes foi de 12,5 no país;
– Roraima foi o estado com a maior taxa: 27,7. Ele é seguido por Rio Grande do Norte (27,1), Ceará (26) e Acre (26);
– São Paulo tem a taxa mais baixa, de 3,8 a cada 100 mil;
– Maranhão, Paraná e Tocantins são os únicos estados que não informam os dados completos dos seis meses.