Ex Vereador do Cabo de Santo Agostinho Manoel Carlos lança nota de desfiliação do PPS

Sílvio Costa: “governador, o MDB não pode tirar Raul, mas o senhor pode tirar Marília?”
Cerca de 10 homens explodem Agência da Caixa Econômica em Bonito

Ex Vereador do Cabo de Santo Agostinho Manoel Carlos lança nota de desfiliação do PPS

Logo após o ministro Raul Jungmann pedir desfiliação do PPS na última quarta feira(21) virou o efeito cascata, desta vez foi o ex vereador do Cabo de Santo Agostinho Manoel Carlos pedir a desfiliação do partido, veja a carta abaixo:

Cabo de Santo Agostinho, 21 de março de 2018
Aos membros do Diretório Estadual e a todos os filiados(as) do Partido Popular Socialista em Pernambuco

Meus caros companheiros e companheiras do nosso querido e estimado Partido. É com muita tristeza e desapontamento que venho através desta, comunicar o meu pedido de desfiliação do Partido Popular Socialista – PPS.

Militante egresso do Partido Comunista Brasileiro, onde iniciei a minha trajetória, dediquei os últimos 25 anos da minha vida pública e privada na construção de uma sociedade mais justa, fraterna e democrática, e no combate intransigente da intolerância, da arrogância e de todo tipo de preconceito e descriminação.

Neste período, sempre fui um militante ativo dentro daquele que imaginava ser o único Partido ao qual me filiaria, e que tem como slogan “UM PARTIDO DECENTE”, onde exerci com muito zelo e esmero todos os cargos e funções a mim confiados. E que nos últimos dias, vem através do seu Presidente Nacional, me mostrando que não é mais um ambiente onde se possa praticar a radicalidade democrática e a garantia do contraditório.

Quero neste ato, me dirigir aos filiados da minha querida cidade do Cabo de Santo Agostinho, e aos seus homens e mulheres de uma forma geral. Cidade esta, que me concedeu por duas vezes a honrosa tarefa de exercer um mandato de vereador no Poder Legislativo local.

Aos filiados do PPS, quero agradecer pela generosidade e acolhimento que sempre norteou a nossa convivência. Isso é um até breve, porque a nossa disposição em lutar se renova a cada dia e se fortalece a cada desafio superado.

Durante a minha permanência neste Partido, fui vereador por duas vezes, disputei quatro eleições, presidi o Diretório Municipal do Cabo de Santo Agostinho por mais de uma vez, ocupei cargos de gerências nas Prefeituras do Cabo e de Jaboatão dos Guararapes, e sempre atuei ativamente nas tarefas partidárias que me foram delegadas.

Por fim, quero agradecer a experiência e a todos(as) com os quais tive a oportunidade de conviver no exercício da Presidência Estadual, cargo este que exerci nos últimos 12 meses, e que em virtude da falta de comunicação interna, e da intransigência daqueles que se sentem donos dessa agremiação partidária, deixo efetivamente de exercer ao assinar esta nota.

“UM PARTIDO SEMPRE SERÁ MAIOR DO QUE AS PESSOAS QUE OS COMPÕEM”.
Saudações e abraços fraternos!

Atenciosamente,

Manoel Carlos