Após caso suspeito, procura por vacina da febre amarela é alta no Recife

Conta dos Estados sai do azul para rombo de R$ 60 bi
RS quer fechar prédios públicos para julgamento de Lula

Após caso suspeito, procura por vacina da febre amarela é alta no Recife

Só na Policlínica Lessa de Andrade, foram imunizadas 235 pessoas até às 16h da terça-feira (16).

Depois da confirmação sobre a primeira investigação de febre amarela no Recife, a procura pela vacina foi alta na Policlínica Lessa de Andrade, na Madalena, Zona Oeste da cidade, na manhã desta quartafeira (17). Lá funciona o Centro de Orientação ao Viajante. Nessa quartafeira (16), muita gente foi ao local para se prevenir, sobretudo quem tem viagem marcada a Estados onde a incidência da doença é grande, como Rio e São Paulo.

“A procura pela vacina tem aumentado bastante, especialmente depois das ocorrências da doença em municípios de São Paulo e do Rio de Janeiro (Estados que farão campanha, assim como a Bahia). O Recife tem muitos voos para essas capitais e, por isso, as pessoas têm procurado os postos para a vacinação”, informa a coordenadora do Programa de Imunização do Recife, Elizabeth Azoubel.

Nessa terça-feira, o Lessa de Andrade chegou a imunizar 235 pessoas até às 16h, quando foi realizado o último balanço da policlínica. A média diária, segundo os funcionários da unidade de saúde, é de aproximadamente 50 doses.